As quadras populares aqui colocadas foram recolhidas junto do povo, de pessoas que gostam de versos e os decoram facilmente.Como não há conhecimento acerca da autoria pressuponho que são todas de cariz popular e, portanto, de autor desconhecido; se assim não for, peço desculpa aos lesados e peço que mo comuniquem.Ocasionalmente colocarei algumas de autores conhecidos, que se enquadrem neste perfil popular e rústico. E como também eu tenho (modéstia à parte) algum jeito para quadras populares, publicarei algumas feitas por mim, devidamente assinadas.
Felipa Monteverde

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Chegadinhos, tu e eu

Chegadinhos, tu e eu
lá ficamos à lareira...
e o meu corpo aqueceu
só por estar à tua beira!

Felipa Monteverde

8 comentários:

✿ chica disse...

lindo ,Felipa! beijos,chica

carol disse...

Quem me dera à tua beira
Poder eu sempre ficar!
Presa a ti a vida inteira
Presa ao teu belo olhar!

Beijinho

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Felipamiga

À quentinha e à lareira
só eu sei como me amas
para toda a vida inteira
e na Travessa há... mamas

Qjs

Francesca disse...

Bella questa poesia, capisco un pò il portoghese. Sono siciliana ma mio marito è giapponese. In Brasile ci sono molti giapponesi ho sentito. Ciao, ti seguo da Roma, Italia!

Ilaine disse...

Felipa!

Que lindos os seus poemas.
Já fico por aqui... nesta pausa... para saborear café e poesia!

Grande beijo!

Glória Maria - Fadinha disse...

Que lindinho querida. Vim te desejar um lindo fim de semana. Bj grande

ELAINE disse...

Fe! Passei pra dar ôi! E já aproveitei o cafezinho, que eu adoro, rsrsrs, e de quebra, ainda tive o prazer de ler um verso escrito por ti! É TDB!! Fim de semana abençoado pra você! Amanhã, 03/12 tem post especial de natal! Não perca! Bjão!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

Aaliyahrj disse...

Bom dia e ótima semana!
Bjoks